fbpx
LealNotíciasTissue no Brasil

Guardanapos em sachê: solução econômica, higiênica e livre de contaminação

A Leal Embalagens de Papel é detentora da patente do equipamento que produz guardanapos em sachê

Em diversos municípios do Brasil, a utilização de guardanapos, canudos de plástico e palitos de dente embalados de forma individualizada e hermética já se tornou obrigatória. Pensando nisso, a Leal Embalagens de Papel é detentora da patente do equipamento que produz guardanapos em sachê, uma solução altamente segura, prática e higiênica.

Embalados com duas unidades, esse sistema é a melhor maneira de proporcionar higiene total para o guardanapo, desde à sua fabricação até as mãos do consumidor. O produto também permite mais economia, com tendência a diminuir o consumo unitário, sem deixar o conforto ao usuário de fora.

Superabsorventes, possibilitam a melhor absorção de gordura e outros líquidos, possuem maciez e resistência na medida certa para acompanhar refeições, além de excelente custo-benefício. São muito usados em eventos, mas, diante da pandemia do coronavírus, tem uma importância ainda maior justamente por proporcionar mais segurança, já que a sua fabricação é 100% automatizada, sem contato direto com o guardanapo.

De acordo com Hildebrando Reinert (Tuca), diretor da Leal Embalagens de Papel, o guardanapo sachê não só garante redução de consumo e desperdício, como é “Covid Free”. “Guardanapos e utensílios de higiene bucal estão mais sujeitos à contaminação por microrganismos, inclusive patogênicos, diante da manipulação inadequada e ao ficarem expostos”, afirma. Dessa forma, a solução é grande aliada não só em estabelecimentos comerciais, com a retomada econômica, como foi amplamente adotada pelos serviços de delivery.

TECNOLOGIA PATENTEADA

Em 2002, a Leal inovou o sistema de embalagem de guardanapos, quando desenvolveu uma solução capaz de reduzir o consumo e desperdício numa apresentação mais higiênica. Os guardanapos começaram a ser embalados “de dois em dois”, em um sistema que passou a ser amplamente utilizado em lanchonetes e restaurantes.

Após nove anos de operação manual, o equipamento foi idealizado durante pesquisas de processos de fabricação, que levaram ao desenvolvimento de um dispositivo industrial capaz de fabricar guardanapos embalados em um único processo, que durante sua produção seguem contínua e automaticamente da etapa de dobra e corte, até a etapa de embalagem.

Assim, a Leal patenteou o equipamento sob o nome de “Dispositivo automático para fabricar guardanapos, guardanapo e processo de fabricação”. O pedido foi publicado em 2013, e a patente, concedida em 2019. Detentora dessa tecnologia, a empresa revolucionou a forma de produção e embalagens de guardanapos em sachê, sendo a mentora e detentora da propriedade intelectual dessa solução.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.