CeluloseNotíciasValmet

Valmet firma novo contrato de manutenção de máquinas com a Klabin

Fornecimento de três escopos de serviço é realizado na Planta Piloto da unidade de Monte Alegre, em Telêmaco Borba (PR)

Fortalecendo a parceria com a Klabin, a Valmet, principal desenvolvedora de tecnologias de processo, automação e serviços para as indústrias de celulose, papel e energia, firmou um novo contrato para manutenção de máquinas no Parque de Plantas Piloto da unidade de Monte Alegre.

O contrato de manutenção, também conhecido por MMO (Mill Maintenance Outsourcing) foi estabelecido por dois anos e engloba três áreas do parque localizado em Telêmaco Borba (PR): Centro de Tecnologia, tecnologia de extração de lignina (Lignoboost) e de produção de celulose microfibrilada (MFC).

A Valmet fornecerá profissionais residentes responsáveis pela manutenção mecânica, elétrica, instrumentação, analítica, metrologia e refrigeração. Os profissionais realizam as atividades de confiabilidade e manutenção das máquinas, que são de extrema importância para a segurança e estabilidade operacional.

Para o gerente de MMO e contratos da Valmet na América do Sul, Fernando Paludo Rieger, esse novo contrato reforça o know-how da empresa. “Estar presente em Monte Alegre significa muito para a Valmet. Sermos reconhecidos nessa unidade tem um valor especial e o nosso compromisso é entregar disponibilidade dos equipamentos para que tudo funcione da melhor forma possível”, explica.

RESULTADOS SIGNIFICATIVOS

A entrega de tecnologia e manutenção da Valmet tem auxiliado em diversos estudos e avanços para o setor de celulose e papel. Um dos escopos de aplicação do contrato de MMO da multinacional finlandesa é no Centro de Tecnologia da Klabin, responsável por diversas áreas de pesquisa e desenvolvimento florestal e industrial, que realiza simulações das linhas de produção da fábrica e aplicações sustentáveis.

No Parque de Plantas Piloto da Klabin, a Valmet já entrega a tecnologia de extração de lignina (Lignoboost) – pioneira na América do Sul.  A produção da planta piloto da Valmet foi desenhada para atender às necessidades específicas da Klabin e faz parte do processo de fabricação de celulose, utilizada para geração de energia. A lignina é um polímero natural, componente da madeira utilizada na fabricação de celulose, separada após o processo de cozimento.

No auge da pandemia do novo coronavírus, o Centro de Tecnologia da Klabin, em conjunto com outros dois parceiros, identificou e desenvolveu uma formulação de álcool em gel a partir da celulose microfibrilada (MFC), extraída da madeira e que substitui o carbômero, importante componente utilizado na fabricação desse produto. Esse e outros testes são realizados desde novembro de 2019 na planta de MFC no Parque de Plantas Piloto da Klabin – primeira planta compartilhada de extração de lignina e MFC do mundo, fornecida pela multinacional finlandesa.

O gerente de MMO e contratos da Valmet na América do Sul explica que o estudo e desenvolvimento de novos produtos são muito significativos para a empresa. “A parceria com a Klabin reforça que entregamos soluções e serviços completos. É importante estarmos alinhados com o cliente”, finaliza.

Via
Valmet
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.