fbpx


Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online
Banner Incape Portal Tissue Online


Coronavírus Notícias Varejo & Professional

E-commerce deve se tornar opção relevante de vendas de papel tissue

esteira tissue

Consumidores que decidiram evitar contatos mais diretos com outras pessoas para se proteger do vírus estão ampliando as compras pela internet

A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) está gerando mais uma grande mudança no mercado: os consumidores que decidiram evitar contatos mais diretos com outras pessoas para se proteger do vírus estão ampliando as compras pela internet.

De acordo com entidades do setor, na primeira quinzena deste mês, foi registrada alta de 30% a 40% nos pedidos online em relação ao igual período do ano passado. Os produtos que dispararam em vendas foram aqueles ligados à proteção da saúde, em especial, o álcool em gel e, nos últimos dias, alimentos. Outro item cuja venda online vem crescendo exponencialmente são produtos tissue, como papel higiênico, um dos bens mais visados em épocas de crise.

ecommerce tissue

Segundo dados do Compre e Confie, empresa do grupo ClearSale que trabalha com inteligência de mercado e atua no ramo de antifraude para e-commerce, a alta das vendas totais foi de 40% nos primeiros 15 dias do mês. Só os itens de saúde tiveram crescimento de 124%.

No comparativo entre igual intervalo de 2019 e 2018, as compras via internet tinham aumentado 4%, informa André Dias, diretor executivo da empresa e coordenador do Comitê de Métricas da camara-e.net, principal entidade multissetorial da América Latina.

De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), Maurício Salvador, o setor está preparado para aumentos sazonais, como ocorre na época da Black Friday, mas admite que algumas lojas virtuais “já estão comunicando em seus sites possibilidade de atrasos e substituição de produtos por conta da ruptura de estoques”.

Por falar em Black Friday, no ano passado, por exemplo, os brasileiros aproveitaram a data para encher os carrinhos e, surpreendentemente, o item com o maior número de vendas no Magazine Luiza foi o papel higiênico. A empresa vendeu 960 mil unidades do produto, nas lojas físicas e online, o que só confirma a importância vital desse produto.

Banner Solenis no Portal Tissue Online

REFORÇO DE PESSOAL

O Mercado Livre, uma das grandes plataformas online do país, registrou na primeira quinzena do mês avanço de 65% nas vendas de produtos dos segmentos de saúde, cuidado pessoal e alimentos e bebidas, na comparação com igual período de 2019. A comparação envolve itens como máscaras protetoras e álcool gel e produtos de primeira necessidade (alimentos, papel higiênico, fraldas etc). Para atender à alta demanda, a empresa está reforçando o time de logística. “Nosso planejamento prevê antecipar para um prazo imediato a curva de contratação prevista para três meses”, afirma Leandro Bassoi, vice-presidente de Mercado e Envios para a América Latina.

MUDANÇAS NO CONSUMO

De todas as formas pelas quais o coronavírus mudará as compras, esse parece ser o comportamento de curto prazo mais provável, com algumas ressalvas. Claramente, muitos compradores serão tentados ou se sentirão até forçados a comprar itens como produtos tissue on-line.

A expectativa é que os produtores de papel selecionem os melhores produtos, gerenciando os estoques e substituições, o que deve fazer com que os ganhos obtidos pelas compras on-line sejam mantidos a longo prazo.

LEIA TAMBÉM: