fbpx
NotíciasRoll-tecTissue no Brasil

Uso de tecnologias otimiza o processo de gofragem

Para Marcelo Cardoso, diretor comercial da Roll-Tec, é essencial empregar tecnologias avançadas no processo de gofragem para a indústria de tissue

Desde 1967, a Roll-Tec tem como foco principal a fabricação e gravação de cilindros gofradores de aço. Utilizando-se de tecnologias pioneiras, a empresa objetiva melhorar o resultado do produto e facilitar o dia a dia do convertedor. No Painel Tissue Online, Marcelo Cardoso, diretor comercial da Roll-Tec, falou da importância de empregar tecnologias avançadas no processo de gofragem para a indústria de tissue.

“Na área de fabricação de papel, tem uma série de processos internos que são supercomplexos; na parte de conversão, também tem uma complexidade enorme, um número muito grande de pessoas operando, então, a tecnologia diminui a dependência no sentido de coordenar uma multidão de pessoas e, assim, melhora a efetividade do resultado de produto”, comentou.

Segundo Marcelo, a competitividade na indústria é um dos fatores que mais contribuem para essa evolução. “Antigamente, havia uma distinção de qualidade de produto, porque eram poucas as empresas que conseguiam adquirir tecnologia de ponta, e hoje você vê um número maior. O Brasil, por exemplo, é um mercado supercompetitivo e está ficando cada vez mais – se for falar em número de empresas hoje no país que tem laminação por cola, você perde as contas; antigamente você podia contar nos dedos. O mercado está cada vez mais competitivo e muitas empresas acabam perdendo o objetivo principal, que seria cuidar da qualidade do produto adequado ao qual o consumidor está buscando”, explica.

 

Nesse sentido, Marcelo afirmou que ajustar as características para fabricar um produto com qualidade é cada vez mais importante. “Eu vejo que é importante ajustar a questão de bulk e a firmeza do rolinho de papel higiênico, por exemplo, porque se eu deixar um bulk, uma firmeza muito solta, posso ter problemas de transporte, problemas de qualidade de produto no ponto de venda, tem uma série de questões, e também influi na questão toda de custo de embalagem etc. Outro ponto importante é a determinação do diâmetro, de um rolo de papel higiênico, por exemplo, que influencia em toda a questão da rede logística, custo, embalagem e transporte, e o principal é o foco do consumidor”, afirma.

Para atender às diferentes necessidades dos consumidores, Marcelo afirma que a empresa deve ter conhecimento aprofundado de mercado e seguir procedimentos padrões. “As empresas que se destacam a nível de qualidade, normalmente, têm uma evolução muito forte nessa área de entendimento e conhecimento de cada cilindro que compõe essa unidade e controle dessas unidades. A tecnologia, sim, importa, mas a parte de processo interno também, assim como a parte de rebobinamento de produto também é importante. E, por último, você entra em uma área supercomplexa, que é a tecnologia de gofragem, na qual a Roll-Tec é especialista. Para isso, tenho que determinar o que eu preciso colocar na gravação do cilindro de aço para ajudar a maximizar a qualidade, dependendo de cada mercado e de cada cliente”, conclui.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.