fbpx
NotíciasRoll-tecTissue no Brasil

Processo de gofragem deve ser adaptado ao foco do cliente

De acordo com Marcelo Cardoso, diretor comercial da Roll-Tec, o Brasil foca na suavidade superficial do papel

A Roll-Tec tem como objetivo principal a fabricação e gravação de cilindros gofradores de aço. Para o diretor comercial da empresa, Marcelo Cardoso, é preciso adaptar o processo de gofragem ao foco do cliente. “O Brasil foca muito na suavidade superficial do papel, isso vem sendo a prioridade número um e não a questão de volume e diâmetro, como em países como o Peru. Cada país tem o seu foco comercial, essas variáveis de fato são conflitivas, então, ter o domínio sobre a sua prioridade é muito importante, focando sempre no que você quer buscar com o seu cliente”, comentou, no Painel Tissue Online.

E, para alcançar a máxima qualidade tanto em suavidade como em outros fatores, como diâmetro, firmeza e resistência de papel, é preciso ajustar uma série de variáveis. “Depende primeiro da fase de fabricação de papel base, e isso influencia muito. Existe uma variação enorme de composições de papel base: fibra longa, fibra curta, fibra virgem, papel com maior ou menor quantidade de aparas… Isso é importante para determinar a qualidade do seu produto. O segundo ponto para controlar essas variáveis de qualidade de produto é a linha de conversão, que tem vários módulos e soluções: tem a desbobinadeira, a unidade gofradora, junto com a unidade laminadora no caso de laminação por cola, tem a cortadeira, etc”, pontua.

 

No caso da Roll-Tec, a especialidade é a unidade gofradora e laminadora. “Nesse processo, a determinação do diâmetro de um rolo de aço na escolha de uma máquina é muito relevante, porque determina o ponto de contato do gofrador de borracha, que é o ponto onde o papel passa. Quanto maior o rolo de aço, menor é a fricção que terei no cilindro de aço e mais recursos para controlar o resultado de produto; quanto menor, mais fricção pela pressão que é exercida entre o rolo de borracha e o rolo de aço, resultando em uma perda de recurso em máquina de ajuste mais fino”, explica.

Por isso, é fundamental estar atento a cada detalhe dentro da unidade. “O conhecimento da função e especificação de cada rolo, em todo o processo dentro de uma unidade gofradora e laminadora, é de extrema importância, então, apesar da tecnologia de hoje, o operador que comanda a máquina pode cometer erros de ajuste e, obviamente, isso prejudicar o bom trabalho do papel base que você tem”, encerra.

Confira na íntegra o Painel Tissue Online: Como otimizar o processo de gofragem:

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.