fbpx
BO PaperNotíciasTissue no Brasil

BO PAPER realiza novos investimentos em pastas de alto rendimento

Diretores da empresa comentaram sobre a história, atuação e novos projetos da BO PAPER, sobretudo, no mercado de papel tissue

Eliezer Ramos, diretor de vendas e marketing, e Guilherme Mayer, gerente de vendas da BO PAPER, participaram do programa Talk Tissue com Felipe Quintino. Eliezer iniciou o bate-papo contando sobre a história da BO PAPER e a atuação da companha no mercado de tissue.

“A BO PAPER tem mais de 60 anos de história e é a maior fabricante de papéis para comunicação, papéis revestidos e fibras de alto rendimento da América Latina. Tal história começa lá no Chile, onde temos uma fábrica de papel imprensa, localizada em Concepción, no sul do país; aqui no Brasil, nós temos duas unidades fabris, ambas localizadas no Paraná, sempre utilizamos as tecnologias aplicadas na extração de fibras para produção de papéis de imprimir e escrever, também de alto adesivo. Mais recentemente, no entanto, iniciou-se o processo de contato com o mercado de tissue, a partir de 2018, quando investimos em uma desaguadora, tivemos a oportunidade de oferecer fibras de alto rendimento para esse mercado, que foi um dos primeiros onde começamos a aplicar o nosso know-how para fornecimento de soluções em fibras”, relatou o diretor de vendas e marketing.

A BO PAPER vem realizando uma série de investimentos no desenvolvimento de novas fibras de alto rendimento. Neste mês, a empresa lançou os novos produtos da linha HY PULP. “A HY PULP é o novo nome dessa nossa linha comercial de pasta de alto rendimento, o que a gente fez ao longo desse ano foi tentar entender melhor as necessidades de cada segmento da indústria papeleira e desenvolver as propriedades físicas que fossem mais interessantes para cada um deles. Nosso entendimento nesse período foi que, ampliando o portfólio da linha de produtos e segmentando as qualidades por tipo de aplicação, a gente estaria agregando mais valor para cada um dos nossos clientes”, comentou Guilherme.

Com os lançamentos, o portfólio da empresa passa de três para sete produtos, sendo três deles destinados ao mercado de tissue. “Nós entendemos que, dentro de cada segmento, há necessidades técnicas específicas, por isso, desenvolvemos três qualidades de fibras branqueadas que estão sendo usadas pelos nossos clientes do segmento de tissue. A primeira pasta foi a HY BULK WHITE, que foi o primeiro produto que a gente desenvolveu para wet lap, destinado para o segmento de papel tissue, mas ela também pode ser aplicada no segmento de papel cartão, é uma pasta com maior bulk. A segunda, que desenvolvemos em março, se chama HY SOFT, nela, nós aprimoramos o refino e entregamos uma pasta com maior resistência e alvura. Por fim, homologamos agora em agosto, a HY SOFT PLUS, uma pasta 100% de eucalipto, que se localiza na categoria de super branqueada, com uma maior absorção. Esses três produtos entregam características e propriedades físicas diferentes, que servem a nichos distintos, dentro do segmento de tissue”, explicou Eliezer.

De acordo com Guilherme, a porcentagem de utilização da fibra de alto rendimento na receita do cliente é variável. “A quantidade depende bastante de cada processo, cliente, da capacidade de refino que você tem dentro da fábrica. Na nossa experiência, nós temos desde 5% a 7% até 20% a 25% de substituição por fibra de alto rendimento na receita do nosso cliente”, informou.

O fabricante de tissue que utiliza as fibras de alto rendimento da BO PAPER tem acesso a várias vantagens. Nesse sentido, o gerente de vendas mencionou qual o principal diferencial da companhia. “O grande diferencial que a gente entrega é essa flexibilidade que a gente tem de fazer tipos diferentes de pasta de alto rendimento. A BO PAPER tem esse know-how de quase 60 anos, faz 30 anos que a gente faz pasta de alto rendimento para os nossos produtos e os equipamentos são os mais modernos que estão disponíveis no mercado internacional. O grau de refino, a alvura e essa flexibilidade nos permitem entregar aos nossos clientes produtos com qualidade e com o custo que eles precisam para serem mais competitivos em cada segmento”, concluiu Guilherme.

Confira na íntegra o Talk Tissue com Eliezer Ramos e Guilherme Mayer, da BO PAPER:

BO PAPER realiza novos investimentos em pastas de alto rendimento

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.