Celulose Notícias Sustentabilidade

Fibria realizou Workshop sobre Sustentabilidade

A Fíbria, empresa do Grupo Votorantim e que possui fábrica em Três Lagoas-MS e uma segunda Planta que está em desenvolvimento e cujo investimentos deve ultrapassar a casa dos Nove Bilhões de reais, realizou na manhã da última terça-feira, no Salão de Eventos do Taj Hotel, Workshop sobre Sustentabilidade no Setor de Celulose e Florestas Plantadas.

Fibria

A imprensa três-lagoense participou maciçamente do evento que contou com palestras e rodadas de perguntas sobre o assunto. O Gerente do Setor de Comunicação da Fibria, Geraldo Magella fez a apresentação da Diretora de Sustentabilidade, Comunicação e Relações Corporativas, Malu Paiva, dos representantes da empresa do Setor de Sustentabilidade, gerente Fausto Camargo, do gerente geral de florestas, Thomaz Baristello, do Coordenador de Comunicação em MS, Anderson Pollarini, da Coordenadora de Sustentabilidade no MS, Flávia Tayama  e por último, o Gerente Geral da Fábrica da Fíbria em Três Lagoas, Renato Otoni. Outros servidores da Fibria marcaram presença no acontecimento.

Malu Paiva abriu os trabalhos apresentando dados sobre Sustentabilidade e Florestas Plantadas avançando sobre o assunto e trazendo diversos esclarecimentos. Ela expôs com precisão vários temas, inclusive esclarecendo que este Workshop era o primeiro e que não detém títulos sobre o assunto, apenas vasta experiência que atravessa mais de 20 anos. Malu, após expor sobre o assunto respondeu e esclareceu várias perguntas.

Em seguida, o Gerente Geral de Florestas da Fíbria, Thomaz Baristello apresentou vários dados, diversificando sobre as áreas de Sustentabilidade, Econômica e Social da Fibria, inclusive sobre os programas sociais , energia, Fauna, Flora etc. Da mesma forma, após exposição Thomaz Baristello respondeu a vários questionamentos com os jornalistas.

Renato Otoni falou por último e trouxe preciosos esclarecimentos sobre a fábrica que dirige. Segundo ele, a Fábrica da Fibria em Três Lagoas-MS é totalmente sustentável, inclusive na geração de energia onde produz um excedente de 17%. Otoni explica ainda que além da Fábrica da Fibria, a empresa abastece cem por cento com celulose a Fábrica da International Paper que fabrica papel, inclusive fornece energia limpa.

O Gerente explica ainda que a Fibria emprega hoje em Três Lagoas 1,374 funcionários, dos quais 70% pertence a Três Lagoas e é composto de 80% de mão de obra masculino e 20% feminino. O nível de escolaridade atinge 69% nível técnico e 29% superior.

Renato Otoni fala com orgulho do início de tudo quando a Fibria em parceria com o Senai capacitou 250 trabalhadores. Desses, 147 foram contratados de imediato pela Fibria e o restando por empresas terceirizadas, a exemplo a EKA que fornece produtos químicos  para branqueamento da celulose produzida no site em Três Lagoas-MS.

Através de Slides e Vídeo, Renato Otoni apresentou o caminho da celulose de fibra curta, desde o campo até o produto final. Falou ainda do aumento da arrecadação do município qua atingiu 300% e do aumento das exportações que chegou a 2,1  mil por cento local e 400%  em nível estadual. “Investimos em Inovação e Criatividade”, explicou ele.

Finalizando Renato falou da vasão do Rio Paraná, um gigante que escoa 6,5 mil M3 por segundo. Na baixa a vasão chega a 2,9 mil m3 p/segundo.  Desse manancial a Fibria capita 1,5 mil metros cúbicos por segundo. dos quais 1,3 mil metros cúbicos por segundo são devolvidos ao próprio rio.

A concluir, Renato Otoni bricou dizendo que o Projeto Horizonte II que está em construção, terá sua plenitude em breve, mas que vai lutar para posterga-lo já que em outubro faz aniversário e aí aproveita para comemorar tudo junto. aNaturalmente houve vários comentários, perguntas e esclarecimentos que envolveu todos os presentes.

Ainda em ato contínuo a Gerencia de Comunicação da Fibria brindou todos os presentes com um Certificado cuja carga horária foi de 3 horas.

jornaldiadia.com.br