ABBNotíciasTissue no Brasil

Conheça os custos reais dos seus motores elétricos

Os motores são fundamentais em quase toda a economia industrial, mas seus custos devem ser considerados antes da decisão de compra

Os motores elétricos são fundamentais em quase toda a economia industrial e são responsáveis por trazer movimento ao processo produtivo, ou seja, fazem funcionar máquinas, como bombas, compressores, ventiladores, misturadores, entre outros equipamentos. Por isso, é de extrema importância avaliar o custo real de um motor elétrico, que vai além do valor do preço de compra.

O custo de aquisição de um novo motor é geralmente inferior a 3% comparado ao custo total do ciclo de vida de um motor elétrico.

Outros custos são de longe muito mais significativos e devem ser considerados antes de tomar a decisão de compra.

O custo de operação é de 70% a 95% dos custos totais e é baseado no preço da energia kWh e das horas anuais em operação ao longo de 20 anos.

Considerando que os custos com parada/manutenção vêm das paradas não planejadas, nas quais isso representa de 2 a 30% dos custos totais.

Juntos, a composição desses três custos forma o custo real do motor.

De uma maneira geral, o custo de operação é o maior custo ao longo da vida útil de um motor elétrico. Por exemplo, operando um motor de 75kW com rendimento de 95,4%, com um custo médio do kWh em R$ 0,40 e trabalhando 8760 horas por ano, temos um consumo anual de R$ 275.471; projetando isso para 10 anos, o consumo em energia elétrica se dá em R$ 2.754.717

Se assumirmos o custo de uma parada não planejada de R$ 10.000 por ano, ou seja, se houver falhas por qualquer motivo, ao longo de 10 anos teremos um custo total estimado de R$100.000.

Comparado com o valor de aquisição de um motor de 75kW em R$ 40.000, o custo de operação é muito mais alto e esse custo com eletricidade pode ser reduzido escolhendo um motor mais eficiente.

Diante disso tudo, existe uma clara necessidade de motores mais eficientes para economizar energia, diminuir os gastos e reduzir as emissões.

Um motor mais eficiente é capaz reduzir o desperdício de energia, pois aumenta a eficiência da conversão de energia elétrica em energia mecânica.

Ao aumentar a eficiência energética, é possível economizar não só energia elétrica, mas também reduzir as emissões de dióxido de carbono.

A ABB é líder de vendas em motores elétrico no mundo e, anualmente, investe um valor expressivo em pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias, tendo, assim, cada vez mais motores mais eficientes.

No Brasil, a ABB fornece motores para qualquer aplicação industrial nos mais diversos segmentos de mercados, como, por exemplo: mineração, óleo e gás, mercado de água e saneamento, papel e celulose, indústria alimentícia, entre outros. A empresa oferece motores padronizados conforme padrões e normas brasileiras, mas também com total competência e experiência para fornecimento de motores para aplicações especiais.

Para mais informações, acesse: https://new.abb.com/motors-generators/pt/.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo