fbpx




Banner Incape Portal Tissue Online
Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online

Celulose Notícias

Voith a caminho da criação de uma nova força

Resultados significativamente melhores, metas anuais superadas

Voith_Sem_Slogan_RGB

  • Lucro operacional do grupo aumenta em 15%;
  • Aumento do retorno sobre o capital empregado;
  • Resultados da Voith Paper também apresentam salto significativo;
  • Voith 150+, programa de sucesso para todo o grupo, surte efeito:
    as economias registradas até 2016 já somam € 220 milhões;
  • Fundação de uma nova Divisão do Grupo: Voith Digital Solutions;
  • Lienhard, CEO da Voith: “O ano fiscal encerrado reflete a enorme transformação da empresa ao longo dos últimos anos. A Voith está ganhando impulso de novo”.

Heidenheim. O Grupo Voith avançou significativamente em seu objetivo de criar uma nova força no ano fiscal de 2014/15 (encerrado em 30 de setembro de 2015). O Grupo obteve melhorias significativas em seu lucro operacional, registrando um aumento de 15% nos ganhos provenientes de suas operações contínuas que, com € 270 milhões, excederam as metas da empresa para o ano. Esses valores já excluem a divisão Voith Industrial Services, que está sendo vendida e, por isso, foi classificada no balanço consolidado sob a rubrica de operações descontinuadas. O principal motivo para esse salto nos resultados foi o Voith 150+, o programa de sucesso para todo o Grupo, assim como o impacto perceptível das iniciativas de otimização do portfólio e da melhoria de eficiência que o programa trouxe.

A Voith também aumentou as vendas de suas operações contínuas em 3%, alcançando € 4,30 bilhões (ano anterior: € 4,17 bilhões). As vendas de cerca de € 1 bilhão geradas pela Divisão Voith Industrial Services já foram excluídas desses números. O retorno sobre o capital empregado do Grupo aumentou em 1,8%, atingindo 12,2%. Dessa forma, a Voith superou as suas metas anunciadas para vendas, lucro operacional e retorno sobre o capital empregado. O desempenho da Voith Paper foi uma notícia especialmente boa: o lucro operacional desta Divisão do Grupo saltou de € 9 milhões para € 58 milhões – o que demonstra o sucesso das ações lançadas e implementadas, como adaptação à situação de mercado significativamente diferente da Voith Paper.

No entanto, devido aos custos da reestruturação decorrente do programa de sucesso para todo o Grupo, o Voith 150+, que somaram um total de € 231 milhões ao longo de todo o ano, o resultado líquido ficou negativo, conforme havíamos planejado e anunciado anteriormente: O resultado final ficou em € -93 milhões (ano anterior: €+41 milhões).

Conforme esperado, os pedidos recebidos permaneceram no mesmo nível positivo dos resultados do ano passado. As operações contínuas receberam pedidos que totalizaram € 4,39 bilhões (ano anterior: € 4,40 bilhões). Os pedidos em carteira do Grupo Voith no final do período considerado totalizaram € 5,29 bilhões (ano anterior: € 5,38 bilhões). Assim, a proporção de vendas sobre pedidos atendidos [book-to-bill ratio] ficou maior do que 1. Isso significa que a Voith não se manteve dos recursos dos seus pedidos.

“A Voith tem trabalhado muito. Nestes últimos três anos, realizamos iniciativas de reestruturação abrangentes e revisamos a estratégia do nosso Grupo de forma consistente. O ano fiscal que estamos encerrando reflete esse enorme trabalho de transformação que está sendo realizado por nossos colaboradores. A Voith está ganhando impulso de novo. O Voith 150+, nosso programa de sucesso para todo o Grupo, está surtindo efeito, e nós estamos fazendo avanços perceptíveis no caminho da criação de uma nova força”, afirmou o Dr. Hubert Lienhard, Presidente e CEO da Voith GmbH.

Programa de sucesso Voith 150+: ações para os € 220 milhões faturados até a data de 30 de setembro de 2016 já foram decididas e implementadas; fundação da nova Divisão Voith Digital Solutions

Uma das decisões estratégicas mais importantes tomadas no ano fiscal passado foi a venda da Divisão Voith Industrial Services para que o Grupo volte a se concentrar mais em suas competências tecnológicas e de engenharia. O processo de venda da Voith Industrial Services está dentro do cronograma e esperamos vê-lo concluído, o mais tardar, até a primeira metade de 2016. Ao mesmo tempo, a Voith tomou a decisão seletiva de reforçar o seu envolvimento na área de automação e da Indústria 4.0 com a sua participação acionária na KUKA, fabricante de sistemas robotizados.

Esta retomada do foco no know-how tecnológico e na agenda digital integra o processo de transformação do Grupo, que foi lançado com o programa de sucesso para todo o Grupo, o Voith 150+, com o qual a Voith pretende garantir a sua competitividade e liderança tecnológica no longo prazo. A Voith espera que o programa gere economias de custo de até € 250 milhões. Ao final do ano fiscal de 2014/15, já haviam sido decididas e implementadas as iniciativas que trariam economias de € 220 milhões para o período até setembro de 2016.

O Dr. Hubert Lienhard, CEO da Voith, também aproveitou a ocasião da coletiva de imprensa do balanço para anunciar a fundação de uma nova Divisão do Grupo. A nova Divisão, a Voith Digital Solutions, centralizará o conhecimento da empresa nas áreas de TI, automação, software e tecnologia de sensores. No futuro, as iniciativas de capital de risco e de empresas emergentes na área da Indústria 4.0 também serão realizadas pela nova Divisão Voith Digital Solutions. A Divisão iniciará suas atividades com cerca de 600 colaboradores e um volume de vendas de cerca de € 250 milhões, provenientes de negócios anteriores. “Temos a meta de nos tornarmos uma empresa com uma participação decisiva na definição da transformação digital das nossas indústrias – da mesma forma como contribuímos para a definição da primeira Revolução Industrial, há 150 anos. Com a fundação da nossa Divisão Voith Digital Solutions, pretendemos nos focar especialmente no desenvolvimento de novos modelos de negócios para os nossos mercados já existentes, bem como no desenvolvimento de novos mercados e indústrias que a Voith ainda não atende. Nós acreditamos que esta área ofereça considerável potencial de crescimento para um líder tecnológico estabelecido e com o tipo de conhecimento abrangente que a Voith detém”, explica Lienhard.

 

Todas as Divisões do Grupo apresentam resultados claramente positivos

Voith Paper vê salto em seus resultados

Todas as Divisões do Grupo se mostraram robustas no ano passado, tendo realizado contribuições muito positivas para o resultado operacional da empresa.

A Voith Hydro manteve um nível de vendas comparável ao do ano passado, mantendo a sua lucratividade praticamente inalterada. O número de pedidos recebidos, no entanto, foi significativamente inferior ao do excelente nível alcançado no ano anterior. A Voith Paper obteve um aumento significativo tanto em suas vendas como no nível de pedidos recebidos. O significativo aumento de sua lucratividade comprova o sucesso dos ajustes realizados nos últimos anos. A Voith Turbo recebeu praticamente o mesmo número de pedidos que no ano passado, além de registrar um modesto aumento em suas vendas.


Perspectiva: otimismo cauteloso

Mais uma vez, a Voith espera enfrentar um ambiente desafiador no ano fiscal de 2015/16: o crescimento de economias importantes, como a chinesa, está desacelerando; o clima de investimentos em setores e regiões importantes deverá continuar persistentemente tímido, e o preço das matérias-primas deverá permanecer baixo.

Diante desse pano de fundo, os planos conservadores do Grupo para o atual ano fiscal se baseiam na premissa de estabilidade do nível de vendas e de pedidos recebidos. Nossa previsão é de que o resultado operacional continue melhorando em decorrência do impacto perceptível do Voith 150+. Entretanto, isso dependerá do crescimento contínuo e estável da economia global. Os acontecimentos econômicos nos mercados da China e do Brasil, que abrigam enorme importância para a Voith, precisarão ser cuidadosamente analisados: a economia global, como um todo – assim como o resultado da Voith, em especial – sofreriam com uma desaceleração maior do que a prevista no crescimento da China ou mesmo com um aprofundamento da recessão brasileira para níveis mais críticos do que os previstos por economistas. Como os custos não recorrentes da reestruturação já foram absorvidos pela empresa, a Voith agora planeja voltar a registrar resultados líquidos claramente positivos.

“Nosso planejamento para o próximo ano é consistente e conservador, e estamos muito confiantes de que os impactos perceptíveis do nosso programa de sucesso para todo o Grupo continuarão a ser sentidos, e que nós continuaremos a trilhar o nosso caminho rumo a uma maior consolidação também no ano que vem. Também percebemos que, independente dos esforços que possamos fazer internamente, a condição econômica em nossos principais mercados e, em especial, na China, serão decisivos para o nosso sucesso no ano que vem”, explica o CEO Lienhard.

A Voith estabelece padrões nos mercados de energia, petróleo & gás, papel, matérias-primas e transporte & automotivo. Fundada em 1867, a Voith emprega mais de 20.000 pessoas, gera 4,3 bilhões de euros em vendas, opera em mais de 60 países no mundo inteiro e é uma das maiores empresas familiares da Europa. *