NotíciasOutros papéis

Suzano transportará papéis usando caminhões elétricos

Os caminhões reduzem em mais de 90% a emissão de CO2 em comparação a um mesmo veículo movido a diesel

A partir deste mês, a Suzano dá início a uma operação com dois veículos movidos a energia elétrica para transportar seus papéis. Os caminhões reduzem em mais de 90% a emissão de CO2 em comparação a um mesmo veículo movido a diesel e atingem 200 km de autonomia.

A iniciativa está atrelada uma das metas de longo prazo da Suzano que objetiva a captura líquida de 40 milhões de toneladas de carbono da atmosfera até 2030. Para reduzir as emissões de CO2, uma das ações estruturadas da empresa é diminuir o uso de veículos de origem fóssil. O projeto está em fase piloto, mas a gigante de celulose já estuda a possibilidade de ampliar a frota.

“A sustentabilidade faz parte do nosso DNA e essa ação reforça o nosso compromisso em zelar pelo meio ambiente. Estamos avançando nesse tema na nossa logística, seguindo o exemplo das nossas operações fabris, já capturamos mais carbono do que emitimos e acreditamos que é a partir de um propósito de renovação que conseguiremos construir um futuro melhor”, diz Eduardo Botelho Lotti, gerente executivo de Logística da Suzano.

Os dois primeiros veículos da frota elétrica da Suzano serão conduzidos por mulheres. O trajeto será feito a partir do Centro de Distribuição Imigrantes, em São Bernardo do Campo (SP), com distribuição de produtos por toda a Grande São Paulo.

Fonte
Suzano
Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo