Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online

Notícias Tissue no Mundo

Portucel contraria previsões com lucros de 100,4 milhões de euros

Resultado líquido da empresa de papel avança 10,9%. Vendas chegam aos 795 milhões de euros.

n_portucel_ms_32406

A Portucel fechou o primeiro semestre deste ano com vendas de 795 milhões de euros, um valor que representa um crescimento de 6,4% perante a igual período do ano passado, e que é justificado com a “evolução favorável do preço da celulose e do papel”, a par da valorização do dólar perante ao euro. Os resultados de mercado mostram ainda que o resultado líquido avançou 10,9% para os 100,4 milhões de euros, contrariando as estimativas dos analistas que previam uma quebra dos lucros.

O ‘cash flow’ operacional (EBITDA) da Portucel aumentou de 16,6% avançando para os 184,5 milhões de euros, com a empresa a contabilizar um efeito positivo de 3,8 milhões de euros, resultante das operações da AMS – fábrica de Vila Velha de Rodão, comprada pela Portucel no final do ano passado e que marcou a entrada do grupo no segmento de papel tissue.

Além do impacto positivo no EBITDA, a fábrica da AMS já respondeu por 3,7% do volume de negócios da empresa ao longo do primeiro semestre, num total de 29 milhões de euros. Uma contribuição que a Portucel estima que venha a crescer ao longo do próximo trimestre com a entrada em funcionamento de uma segunda linha de produção.”Com uma capacidade de 30.000 toneladas por ano, esta segunda linha irá permitir a duplicação de capacidade de produção anual da AMS para 60.000 toneladas de tissue”, escreve a Portucel no comunicado enviado esta manhã ao mercado.

A empresa registou ainda uma melhoria da EBITDA/vendas que era no final do semestre de 23,2%, a par de um aumento do ‘cash flow’ de exploração que chegou aos 155 milhões de euros.

economico.sapo.pt