CeluloseNotícias

Portocel bate recorde mundial de movimentação de celulose

Fruto de uma parceria entre a Suzano e a Cenibra, o porto movimentou 39.048 toneladas de celulose em 24 horas de operação

O Portocel, localizado em Aracruz (ES), movimentou 39.048 toneladas de celulose em 24 horas de operação. Trata-se de um recorde mundial no embarque da matéria-prima, registrado no dia 23 de fevereiro, no navio “Osakana”, da Saga Welco, especializado na movimentação desse tipo de carga.

O recorde anterior, considerando navio convencional ou especializado, também pertencia àPortocel. Em navio especializado, a melhor marca foi batida em 2006, com o embarque de 35 mil toneladas no “Star Optimana”. Já em navio convencional, o recorde era de 2015 com 37.168 toneladas em 24 horas de operação no “Halophyla”.

“Alcançamos um marco histórico que muito se deve ao potencial de nossas equipes e parceiros e à contínua busca por modernização”, afirmou Alexandre Billot Mori, gerente executivo de Operações Portuárias da Portocel.

No domingo, 28, o porto comemorou no domingo 43 anos de operação.

 

SOBRE O PORTOCEL

O Portocel é o único terminal portuário brasileiro especializado na movimentação de produtos florestais, sobretudo, de celulose. É considerado um dos portos mais eficientes do mundo e, em 2017, alcançou a marca histórica de 100 milhões de toneladas embarcadas.

O porto é fruto de uma parceria entre a Suzano (51%) e a Cenibra (49%), duas das maiores produtoras mundiais de celulose branqueada de fibra curta. Possui uma estrutura capaz de movimentar 7,5 milhões de toneladas anualmente e responde pelo embarque de 60% da celulose exportada pelo Brasil.

Localizado em Barra do Riacho, o terminal fica a 4,3 km da Suzano (unidade Aracruz) e é ligado à Cenibra, em Belo Oriente (MG). A celulose embarcada pelo Portocel abastece os mercados asiático (45%), europeu (32%) e norte-americano (23%), e é usada para a fabricação de papéis tissue, papéis de imprimir e escrever e papéis especiais.

Saiba mais em: http://www.portocel.com.br/.

Fonte
Portos e NaviosPortocel
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo