Notícias Tissue na América Latina

México: Queda do Peso, impacta Kimberly-Clark

A depreciação do peso mexicano em relação ao dólar em cerca de 12,25% até agora este ano, irá impactar diretamente a rentabilidade da Kimberly-Clark do México, ofuscando a recuperação reportada no segundo trimestre de 2015.

KIMBERLY-MEXICO

“A taxa de câmbio será um desafio para a empresa continuar a melhorar a sua rentabilidade e reconquistar os níveis dos anos 2012-2013, uma vez que 2014 foi um ano difícil devido a reforma tributária”, disse em um comunicado, Carlos Hermosillo, analista de negócios.

O especialista acrescentou que para os próximos meses é esperado um ambiente difícil, uma vez que a estrutura de custos em dólares é de aproximadamente 70%.

Além disso, a empresa poderia reduzir a sua posição em dólares que foram registados nos primeiros meses do ano, quando a companhia cravou um ganho cambial de cerca de 40 milhões de pesos no segundo trimestre.

No entanto, o que poderia atenuar o efeito da taxa de câmbio são os preços mais baixos das matérias primas.

eleconomista.com.mx