fbpx
NotíciasOutros papéis

Ibema lança nova marca mirando o mercado internacional

Empresa está em busca de uma posição entre as gigantes do segmento de papéis para embalagem

A Ibema, fabricante de papel cartão paranaense, com mais de 60 anos de história, mudou a sua identidade e estuda um novo leque de produtos, em busca de uma posição entre as gigantes do segmento e mirando em um mercado internacional ávido por qualidade e regularidade.

Nessa terça-feira, 6, a empresa apresentou sua nova marca e direcionamento em um evento on-line, denominado “Unbox the future” (Desempacotando o futuro, em tradução livre).

“A gente sentiu necessidade de redescobrir, ou pelo menos revisitar, os nossos valores. Saímos um pouco daquele conceito de missão, visão e valores e fomos buscar o nosso propósito, saber para que a gente existe”, comenta Diego Gracia, head de Estratégia e Marketing da Ibema Papel Cartão. A companhia realizou um trabalho de imersão de um ano com consultoria para definir as aspirações.

A primeira mudança diz respeito em como a empresa pretende se comunicar com o mercado. Com a novidade, a Ibema Papel Cartão passará a usar o termo “Ibema Embalamos o Futuro”, apontando que haverá a produção de outros insumos para embalagens. Apesar disso, a Ibema não pretende abandonar seu principal produto. “A gente ainda não abriu esses novos negócios, mas estamos em fase de brainstorm [levantamento de ideias] para saber onde a Ibema vai navegar. [Mas será] Nesse mercado sempre voltado às embalagens”, completa.

DE OLHO NAS EXPORTAÇÕES

Nos últimos dois anos, a empresa ampliou os mercados compradores de seus produtos, um marco importante em seu plano estratégico. A Ibema já tem 20 países nas Américas, Europa e África, e seu objetivo é solidificar essa posição.

“É importante oferecer regularidade. Isso é o que o mercado busca. Eles [outros países] reconhecem que os players brasileiros têm o costume de entrar e sair do mercado com muita volatilidade, de acordo com a economia brasileira. Quando aqui está aquecido, esquecem o mercado externo. Quando o dólar sobe, joga tudo para o mercado externo. Estamos tentando ter uma política mais consistente com esse pessoal de fora”, explica Gracia.

Assim, a empresa espera se posicionar em um mercado dominado por gigantes, como a também paranaense Klabin, a paulista Suzano, além de grandes indústrias de papel da China, Europa e Estados Unidos.

De acordo com a empresa, o valor que será investido no projeto ainda não foi definido. Atualmente, a Ibema emprega cerca de 800 pessoas, divididas entre o escritório em Curitiba, o centro de distribuição em Araucária e as fábricas de Turvo e Embu das Artes (SP). Seu volume de produção é de 140 mil toneladas anuais.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Baixe nosso e-book!

Conheça OS PRINCIPAIS fabricantes de papel tissue do Brasil e suas capacidades produtivas.

Este levantamento apresenta os principais fabricantes de papel tissue no Brasil em ranking definido por capacidade produtiva instalada.