BO PaperCeluloseNotícias

BO PAPER assume liderança técnica de fibras de alto rendimento no Brasil

A empresa continua apostando no desenvolvimento e atualização de seu portfólio

A BO PAPER segue atualizando e desenvolvendo seu portfólio de fibras mecânicas de alto rendimento.

Com o lançamento da linha HY PULP, em 2020, e a continuidade do desenvolvimento das propriedades físicas que cada segmento de produção de papel necessita, as linhas de produtos HY BOX, HY BULK e HY SOFT atingiram os maiores níveis de qualidade nos testes laboratoriais, atualmente avaliados pelos seus clientes, quando comparados aos demais produtos disponíveis no mercado brasileiro.

Portfólio atual da HY PULP

Nas fibras branqueadas, destinadas ao segmento de embalagens e papel cartão, a HY BOX W, produto mais recente da família HY PULP, se destacou em rigidez, alvura e bulk.

Pode-se constatar que, mantendo um grau de refino baixo (ºSR), o bulk (corpo) e a rigidez se destacam. Isso se dá pelas características únicas do processo produtivo da BO PAPER, com a finalidade de entregar corpo ao cartão, sem perder propriedades de resistência à delaminação.

Gráfico comparativo HY BOX W

Na linha HY SOFT, que tem foco nos segmentos Tissue e P&W, as características mais relevantes observadas são: resistência à tração, tração Z, resistência ao rasgo e alvura.

A correta dosagem de químicos, aliada ao cuidado nos refinos de alta e baixa consistência, geram uma fibra com excelente nível de tração Z e resistência à tração, além de um índice de resistência ao rasgo muito superior a qualquer outro dos produtos testados.

Gráfico comparativo HY SOFT

Essas características, tanto da HY BOX W quanto da HY SOFT, proporcionam a inclusão de maiores quantidades das fibras mecânicas de alto rendimento à receita dos papéis, mantendo sua qualidade final e equilibrando os custos de produção.

Em se tratando de fibras não branqueadas, o estudo comparou a HY BOX e a HY BULK às demais disponíveis no Brasil.

No segmento de cartão, a HY BULK se destacou pela rigidez, bulk e rasgo, ao mesmo tempo que manteve um grau de refino mais baixo (ºSR). Tais características entregam ao cartão mais corpo e rigidez, porém mantém as propriedades de resistência à delaminação e rasgo. Isso é possível, em grande parte, pelos parâmetros do refino de alta consistência exclusivos da BO PAPER.

Gráfico comparativo HY BOX e HY BULK

Por outro lado, a HY BOX, nos segmentos de embalagens e polpa moldada, se torna um aditivo de qualidade de fibras ao processo, visto que esses segmentos utilizam, majoritariamente, aparas em sua fabricação.

Com as qualidades apresentadas pela HY BOX, a aparência superficial da polpa moldada se torna mais aveludada e atraente, agregando valor ao consumidor final que vê e compra essas embalagens no supermercado.

Já nas embalagens rígidas, a HY BOX tem lugar tanto no miolo quanto nas capas das embalagens. O aporte de rigidez ao miolo, aliado ao bulk e qualidade superficial de impressão da capa, agrega propriedades às caixas corrugadas e as torna ainda mais competitivas para os fabricantes que as utilizam.

Todo o estudo foi conduzido com a finalidade de demonstrar como a qualidade e o desenvolvimento de propriedades físicas tem sido relevante no segmento de fibras mecânicas de alto rendimento, desmistificando alguns preconceitos e enaltecendo a qualidade dos produtos disponíveis no mercado brasileiro.

Ao se utilizar fibras de alto rendimento, são consumidas menos árvores e água, por tonelada de papel, em toda a cadeia produtiva. A BO PAPER usa esse processo de extração de fibras desde seu princípio e, com isso, vem conquistando cada vez mais mercados pelas suas qualidades. Justamente por usar essas fibras há tanto tempo é que a empresa sabe como obtê-las, da melhor maneira possível, para cada tipo e segmento de papel.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo