Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online

Destaque Notícias

Saiba mais sobre o BNDES

bndes

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), empresa pública federal, é hoje o principal instrumento de financiamento de longo prazo para a realização de investimentos em todos os segmentos da economia, em uma política que inclui as dimensões social, regional e ambiental.

O apoio do BNDES se dá por meio de financiamentos a projetos de investimentos, aquisição de equipamentos e exportação de bens e serviços.

Investir em máquinas novas é sempre um bom investimento, confira algumas informações sobre o BNDES:

Objetivo

Financiar a aquisição de peças, partes e componentes de fabricação nacional para incorporação em máquinas e equipamentos em fase de produção ou desenvolvimento e serviços tecnológicos relacionados à produção ou desenvolvimento de máquinas e equipamentos.

Clientes

  • empresas, de qualquer porte, com sede e administração no país;
  • empresário Individual, desde que exerça atividade produtiva enquadrada neste programa e esteja inscrito no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) e no Registro Público de Empresas Mercantis (REM).

Somente poderão ser apoiados fabricantes de máquinas e equipamentos integrantes do Cadastro de Fabricantes Informatizado do BNDES.

Itens financiáveis

Podem ser financiados peças, partes e componentes, inclusive eletrônicos, de fabricação nacional, fornecidos por fabricantes cadastrados no BNDES, para incorporação em máquinas e equipamentos em fase de produção ou desenvolvimento; e serviços tecnológicos relacionados à produção ou desenvolvimento de máquinas e equipamentos.

Taxa de Juros

A taxa de juros pode ser fixa ou variável, conforme apresentado a seguir:

Taxa de Juros Fixa 4% a.a.

Não poderão ser clientes de financiamento com taxa de juros fixa fabricantes de ônibus e caminhões (códigos C.29.2, C.29.3, C.29.4 e C.29.5 na Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE do IBGELink para um novo site).

Taxa de Juros Variável

Custo Financeiro + Remuneração Básica do BNDES + Taxa de Intermediação Financeira + Remuneração da Instituição Financeira Credenciada

Remuneração Básica do BNDES 1,0% a.a.
Taxa de Intermediação Financeira:
  • Para micro, pequenas e médias empresas: 0,1% a.a.
  • Para as demais empresas: 0,5% a.a.
Remuneração da Instituição Financeira Credenciada

Negociada entre o cliente e a instituição financeira, exceto nas operações contratadas com outorga de garantia pelo BNDES FGI, quando deverá ser observada aquela prevista na regulamentação específica deste Fundo.

Participação Máxima do BNDES

  • Para financiamentos com taxa de juros fixa: até 90% do valor dos itens financiáveis.
  • Para financiamentos com taxa de juros variável: até 100% do valor dos itens financiáveis.

Prazo Total

Para operações com taxa de juros fixa: até 3 anos para amortização, incluída a possibilidade de 3 ou 6 meses de carência; e

Para operações com taxa de juros variável:

  • até 18 meses para amortização, incluída a possibilidade de 3 meses de carência, nos financiamentos à aquisição de peças, partes e componentes, inclusive eletrônicos, de fabricação nacional para incorporação em máquinas e equipamentos em fase de produção ou desenvolvimento; e
  • até 5 anos, incluída carência de até 1 ano, nos financiamentos a serviços tecnológicos relacionados à produção ou desenvolvimento de máquinas e equipamentos.

Garantias

Negociadas entre a instituição financeira credenciada e o cliente.

Micro, pequenas e médias empresas podem utilizar a outorga de garantia do Fundo Garantidor para Investimentos, BNDES FGI.

Vigência

Para taxa fixa de 4% a.a.

Para financiamentos de operações contratadas até 31.12.2014.

Para taxa variável

Os pedidos deverão ser protocolados no BNDES até 31.12.2014.

Encaminhamento

Dirija-se à instituição financeira credenciada, com a especificação técnica do bem a ser financiado. A instituição informará qual a documentação necessária, analisará a possibilidade de concessão do crédito e negociará as garantias. Após aprovação pela instituição, a operação será encaminhada para homologação e posterior liberação dos recursos pelo BNDES.