fbpx


Banner Incape Portal Tissue Online
Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online


Notícias Tissue no Mundo

Mercado Russo de tissue sozinho deve crescer mais do que os mercados britânico e alemão juntos.

Russia-in-snow

Com base em dados dos últimos 11 meses, pode-se concluir que 2013 não mostrou qualquer interrupção significativa na tendência de crescimento no consumo de tissue da Europa Ocidental (1,3% em 2010, 1,4% em 2011, 0,0% em 2012).

Atualmente, não esperamos um crescimento mais do que cerca de 0,9-1,0% em 2013, embora haja algumas indicações do mercado de que o último trimestre registrou desenvolvimentos ligeiramente mais positivos e por isso a taxa de crescimento final poderia subir para o mesmo nível que foi em 2010-2011.

Crises financeira do Sul da Europa continuam a ter um efeito negativo sobre os gastos dos consumidores, incluindo o consumo de itens sanitários.

A elevada taxa de desemprego reduziu o consumo de tissue radicalmente. O consumo de Tissue limitou-se apenas às necessidades, tais como papel higiênico, enquanto outros graus, como guardanapos e rolos de cozinha, em particular, sofrem nos orçamentos familiares apertados.

O consumo Tissue na Espanha e na Grécia foi mais fortemente influenciado pela situação econômica conturbada, seguido por Portugal e Itália, enquanto a França mostra um crescimento em 2013. Na Espanha, as estatísticas para os primeiros nove meses sugerem uma queda de até 3-4% do consumo tissue do ano.

O Sul da Europa é responsável por mais de 40% do volume do tissue ocidental europeu, e o declínio esperado é de 1-2% nesta sub-região.

Na Europa Oriental, o consumo de tissue, geralmente continuou em sua trajetória de crescimento, com algumas exceções.

A Rússia tem sido o principal motor de crescimento, e seu consumo de Tissue, cresceu cerca de 8-9% no ano passado. Dos outros maiores mercados, Polónia e Ucrânia mostraram um bom crescimento. Em média, o consumo europeu de Tissue Oriental cresceu cerca de 5% em 2013.

O papel da Europa Oriental no negócio Tissue Europeu está aumentando. Em 2000, a Europa Ocidental foi responsável ??por 88% do consumo total de tissue da Europa, a Rússia por apenas 3% e outros países da Europa de Leste por 9%. Em 2012,

A Rússia dobrou sua participação para 6% e a quota de outros países do Leste Europeu cresceu de 9% para 15%. Pode-se dizer que a participação da Europa Oriental ainda não é mais do que 21%, enquanto a Europa Ocidental continua a dominar. No entanto, isso está mudando rapidamente, e em 2022, esperamos que a Europa Leste represente cerca de 30% do mercado total de tissue europeu.

Ao considerar o potencial de expansão no negócio de tissue Europeu, A Europa Leste está atraindo a maior parte dos novos investimentos. Anúncios de novos projetos estão na Europa Oriental, em vez de Europa Ocidental.

Isso faz sentido, pois nossa previsão mais recente do consumo de tissue prevê cerca de 55% do crescimento de volume na Europa entre 2012-2022 na Europa Oriental e 45% na Europa Ocidental.

O Mercado de Tissue na Rússia deve crescer mais do que os mercados britânico e alemão juntos, e o crescimento na Polônia será da mesma magnitude da Alemanha.

Dez anos atrás, nós concluímos que o crescimento do mercado de tissue europeu se concentraria no Sul e no Leste Europeu. Recentemente, a situação mudou: o Sul da Europa vai continuar sofrendo as consequências da crise econômica por alguns anos e seu potencial de crescimento a longo prazo diminuiu. Os mercados de tecidos do Norte e da Europa Central, embora ainda em crescimento, estão amadurecendo, porém as taxas de crescimento estão em declínio.

Tissue World Magazine
Adaptado e Traduzido por Tissue Online