fbpx


Banner Incape Portal Tissue Online
Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online


Celulose Notícias

Klabin investirá R$ 472 milhões no segundo semestre

klabin-ok

A Klabin, segue realizando investimentos no Projeto Puma, fábrica de celulose instalada em Ortigueira, na região dos Campos Gerais. Embora já inaugurado oficialmente e já operando, a Klabin confirma que, neste segundo semestre de 2016, consolidará quase R$ 500 milhões (R$ 472 mi) em aporte na unidade, que é considerada como a que recebeu o maior investimento por uma empresa privada na história do Estado.

Além dos R$ 305 milhões já aplicados entre os meses de julho e setembro, mais um investimento será consolidado até dezembro, como traz o relatório da empresa aos investidores. “Ressalta-se que o investimento total no projeto é de aproximadamente R$ 8,5 bilhões, sendo que R$ 1,5 bilhão foi pago nos nove meses de 2016 e resta em aberto aproximadamente o montante de R$ 167 milhões a ser pago no quatro trimestre de 2016”, informa o documento.

Somando todos os aportes realizados, a empresa fechará o ano com mais de R$ 8 bilhões aplicados no Projeto Puma. No primeiro ano do projeto (2014), o investimento inicial foi de R$ 99 milhões. No ano seguinte, houve o desembolso de R$ 2,2 bilhões, enquanto que, no ano passado, foi realizado o maior aporte, atingindo a marca de R$ 4 bilhões. Neste ano, o valor estimado chegará a 1,7 bilhão.

Em teleconferência a jornalistas e investidores, o diretor geral da Companhia, Fabio Schvartsman, revelou que a Unidade Puma deverá fechar o ano com 90% da capacidade total de produção. A previsão é de que atinja a marca de 100% em março de 2017, quando completa o primeiro ano de operação e ocorre a primeira ‘parada programada’. “A unidade já atingiu 100% em alguns dias, mas depois desses ajustes, haverá estabilidade”, revelou o executivo. Vale lembrar que no terceiro trimestre a Unidade Puma atingiu a produção e comercialização das 300 mil toneladas de celulose. A capacidade de produção da planta é de 1,1 milhão toneladas de celulose fibra curta e 400 mil toneladas de fibra longa.

Unidade eleva receita da empresa

Somente no terceiro trimestre, a Unidade Puma foi responsável por um quarto da receita liquida da Klabin no Brasil. A planta de celulose gerou R$ 491 milhões em receita – no trimestre, somando o mercado de madeira, a Klabin obteve a receita de R$ 1,96 bilhão, montante que é 36% e 16% maior se comparada às receitas do terceiro trimestre de 2015 e do segundo trimestre de 2016, respectivamente. Entre os meses de janeiro a setembro, o EBITDA Ajustado (lucro antes de juros impostos depreciação e amortização) totalizou R$ 1,63 bilhão, valor 19% acima do registrado no mesmo período no ano passado.

arede.info