fbpx


Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online


Banner Incape Portal Tissue Online

Celulose Notícias

Estoques de celulose recuam em abril, indicando ligeira aceleração na demanda

Unidade-de-Negócio-Celulose

Os estoques de celulose passaram a cair em abril, indicando que pode ocorrer uma ligeira aceleração na demanda, de acordo com relatório do HSBC. Porém, os estoques ainda estão acima da média histórica. Os dados utilizados pelo banco são da Pulp and Paper Products Council (PPPC).

Segundo o documento, o estoque da celulose encerrou abril em 36 dias, ante 37 em março, mas acima da média história de 31 dias para o mês de abril. “Os estoques de celulose de fibra longa continuaram a baixar em abril, caindo um dia mês a mês, para 27 dias, exatamente em linha com a média histórica do mês”, afirmou o documento.

No caso da celulose de fibra curta, apesar dos estoques terem caído de 48 dias em março para 47 dias em abril, ainda estão 12 dias acima da média histórica para um mês de abril. “Embora seja positivo que os estoques de celulose de fibra curta tenham começado a cair, continuamos preocupados com o ritmo da queda”, afirmou o relatório do HSBC.

Sobre os embarques, o banco disse que ocorreu uma queda de 1,5% em abril em relação ao mês anterior. Se comparado com o mesmo período do ano passado, a queda foi de 4,4% e no acumulado do ano o recuo foi de 1,7%. “Esta queda nos embarques em abril foi predominantemente devida à redução de 4,6% em abril sobre o mesmo mês de 2013 nos embarques de celulose de fibra curta, em parte compensada pelo aumento de 1,2% em abril ante o mês anterior nos embarques de fibra longa”, disse.

“Embora o ritmo da redução nos estoques de celulose de fibra curta, sem mencionar o nível absoluto, continue preocupante, não prevemos uma grande redução nos preços em 2014, mas esperamos que eles continuem a mostrar moderação ante os níveis atuais. Acreditamos que a demanda mais fraca mostrada no acumulado do ano, basicamente da China, se deve mais à redução de estoques do que a uma destruição de demanda na região”, afirmou o HSBC.

selo_ok

monitormercantil