Notícias Tissue no Mundo

Essity registra aumento de 8,8% nas vendas líquidas em 2019

sede da essity na suecia

A empresa afirmou que os aumentos de preços no seu melhor mix de produtos, resultaram em crescimento e lucratividade no seu relatório anual

imagem ilustrativa mix de produtos essity

Entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de 2019, as vendas líquidas aumentaram em relação ao mesmo período do ano anterior. Os mercados emergentes representaram 37% da receita líquida e registraram um aumento na receita líquida orgânica de 9,1%.

O EBITA aumentou 31%, enquanto o lucro no período aumentou 19%.

A companhia relatou que a implementação no aumento dos preços, melhor mix de produtos, maiores volumes, economia de custos e menores custos de matérias-primas impactaram positivamente seus ganhos.

No entanto, as reavaliações de estoques devido a menores preços de matérias-primas e maiores custos de distribuição tiveram um impacto negativo nos ganhos.

Durante o ano, a empresa afirmou que “aumentou o crescimento, melhorou a lucratividade e fortaleceu sua competitividade para o futuro”.  Isso foi feito através de inovações e investimentos em vendas e marketing que, segundo a empresa, fortaleceram suas posições e marcas no mercado.

As vendas online da companhia também aumentaram, correspondendo a 10% das vendas líquidas.

Aumentos de preços e um produto aprimorado também foram observados em todas as áreas de negócios.

O programa de economia de custos para todo o grupo foi concluído no final de 2019.

As atividades para melhorar as posições de mercado com baixo desempenho continuaram e resultaram em maior lucratividade em vários mercados.

Na América Latina, a empresa fortaleceu suas posições no mercado e as vendas líquidas orgânicas aumentaram 10%.

A subsidiária da empresa na China, reforçou sua posição como líder de mercado em tissue e lançou o Feminine Care com a marca Libresse. Na Ásia, as vendas líquidas orgânicas aumentaram 11%.

Metas adicionais de sustentabilidade para embalagens também foram estabelecidas, com foco particular em embalagens plásticas.

A empresa também investiu em tecnologia sustentável para fibras alternativas para a produção de tissue. 

Em papel tissue para consumo, a empresa registrou vendas líquidas de 10,6% para 49.904 milhões de coroas suecas no período de janeiro a dezembro.

Os mercados emergentes representaram 47% das vendas líquidas e o EBITDA ajustado aumentou 60%, para 5.331 milhões de coroas suecas.

Esse aumento foi devido principalmente a preços mais altos, melhor mix, volumes mais altos, menores custos de matérias-primas e energia e economia de custos.

E no papel tissue para consumo, a empresa finalizou algumas negociações e concordou com a redução de preços na Europa.

A empresa acrescentou que as reduções são na “média de um dígito baixo” e terão um impacto no primeiro trimestre de 2020.

LEIA TAMBÉM: