fbpx

Banner Animado Adritz no Portal Tissue Online

Celulose Notícias

Em busca de liquidez: Celulose Irani contrata formador de mercado na Bovespa

irani

“A Celulose Irani anunciou a contratação da corretora Brasil Plural para atuar como formadora de mercado de suas ações na Bovespa.”

Buscando aumentar sua liquidez na bolsa brasileira, a Celulose Irani anunciou nesta terça-feira (7) a contratação da corretora Brasil Plural para atuar como formadora de mercado de suas ações na Bovespa. A Brasil Plural passará a atuar como “market maker” a partir do pregão de amanhã, com o contrato tendo duração de 1 ano, podendo ser prorrogado automaticamente pelo mesmo período caso a empresa e a corretora não se manifestem contrariamente.

Basicamente, um formador de mercado atua com o objetivo de aumentar o giro de negócios de uma empresa na Bovespa, o que pode ajudar na baixa liquidez dos papéis da Celulose Irani na bolsa. Até às 16h (Horário de Brasília) desta terça, as ações PN da small cap tiveram apenas 1 negócio concluído, que resultou em um giro financeiro de apenas R$ 972,00; durante todo o ano de 2013, estes ativos tiveram somente 60 negócios concretizados no mercado acionário. Atualmente, a Irani detém cerca de 13,5 milhões de RANI3 e 1,164 milhão de RANI4 em circulação na bolsa.

Dentre algumas das obrigações de uma empresa que atua como “market maker”, está a necessidade de colocar diariamente alguma oferta de compra ou de venda dos papéis de sua cliente, informa a BM&FBovespa em seu site. Já a CVM (Comissão de Valores Monetários) possui a Instrução nº384 destinada exclusivamente para esses agentes do mercado, citando dentre as responsabilidades das corretoras impedir a criação direta ou indiretamente – de condições artificiais de demanda, oferta ou preço dos valores mobiliários

O formador de mercado pode ajudar a Celulose Irani a sair do ostracismo na Bovespa, realizada extremamente diferente das outras três empresas de papel e celulose listadas na bolsa – Klabin, Suzano e Fibria, com todas elas fazendo parte do Ibovespa, o principal índice de ações da BM&FBovespa.

Fonte: InfoMoney