Celulose Notícias Tissue no Brasil

Eldorado Brasil realiza audiência pública para discutir projeto de expansão da fábrica em Três Lagoas

Eldorado

A Eldorado Brasil, maior e mais moderna indústria de celulose do mundo, realizou nesta quarta-feira, 13 de novembro, Audiência Pública em Três Lagoas (MS) para apresentar o Relatório de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) que atesta a viabilidade técnica, socioambiental e jurídica do projeto de expansão para a 2ª linha da Companhia. O encontro foi uma oportunidade também para a empresa expor de forma transparente os resultados de quase um ano de operação da fábrica e esclarecer dúvidas sobre o projeto.

Elaborado pela Pöyry, líder mundial em consultoria e serviços de engenharia para as indústrias de celulose e papel, o EIA/RIMA é o principal instrumento para o licenciamento ambiental do projeto para a 2ª linha, que tem previsão de início de operação em 2017. De acordo com o documento, a expansão da fábrica vai envolver cerca de três mil trabalhadores e investimentos na ordem de R$ 4 bilhões. O projeto foi considerado viável após a realização de um diagnóstico completo das condições do ar, água, solo, fauna, flora e indicadores socioeconômicos que envolvem o plano de expansão.

O estudo da Pöyry analisou dados sobre água, qualidade do ar, medições de ruído, meio biótico (flora e fauna) e socioeconômico. “Também estudamos dados históricos de monitoramento desde antes da implantação da Linha 1 e informações cartográficas como cartas, mapas e imagens de satélites, já trabalhamos com muitas empresas e é um prazer estar aqui hoje prestigiando esse evento”, explicou Kleib Henrique Fadel, coordenador de Estudos de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Pöyry. Segundo ele, o Relatório identificou e comprovou impactos positivos no projeto de expansão para a 2ª linha da fábrica e concluiu que se trata de um projeto sustentável.

“Verificamos que a qualidade dos recursos será preservada e, além dos benefícios para a região já constatados nos últimos anos, a expansão trará mais empregos e vai dinamizar a economia com aumento da arrecadação tributária”, disse Fadel. “O terreno considerado no licenciamento ambiental da Linha 1 já contemplava a expansão da Fábrica (Linha 2) e o empreendedor possui vasta experiência em produção de celulose, empregará as melhores tecnologias práticas disponíveis”, afirma.

José Carlos Grubisich, presidente da Eldorado Brasil, abriu sua apresentação ressaltando o momento como fundamental na trajetória da Empresa, além de ressalvar a importância da presença da comunidade no evento. “Um investimento importante, que possui um eixo de estruturação do ponto de vista econômico-social, não só para nós da Eldorado, mas para toda a costa leste do Estado de Mato Grosso do Sul, onde vamos ter também a plantação de florestas em um projeto extremamente sustentável e integrado.”

O presidente elogiou a Audiência Pública e a presença em peso de toda a comunidade. Para ele, trata-se de um instrumento de participação democrática e uma oportunidade para a Companhia fazer uma prestação de contas junto à comunidade sobre as conquistas obtidas pela Empresa e também evidenciar o posicionamento de que a Eldorado é uma empresa legitimamente sul-mato-grossense. “Foi possível demonstrar para a comunidade como atuamos e apresentar um projeto avançado do ponto de vista tecnológico e ambiental e que vai trazer um número de contribuições muito importantes para manter o crescimento econômico e social nos municípios onde atuamos.”

Sobre a Eldorado Brasil

A Eldorado Brasil é uma empresa brasileira com alcance global, que opera a maior e mais moderna fábrica de celulose branqueada de eucalipto do mundo. Com foco no atendimento ao cliente e no respeito ao meio ambiente, controla toda a cadeia de suprimentos com florestas próprias e certificadas, logística integrada e rede de distribuição, estrategicamente localizadas nos principais mercados consumidores.

Sobre a Pöyry

A Pöyry é uma empresa global de consultoria e engenharia, dedicada a um modelo de sustentabilidade equilibrada – balanced sustainability – e gestão responsável. Com atuação focada em qualidade e integridade, oferece aos clientes serviços de excelência em consultoria, soluções completas, design e supervisão. A ampla experiência da empresa abrange os segmentos de energia, indústria, urbanismo e transporte, água e meio ambiente.

Empresa de capital aberto, com ações na Bolsa de Helsinque, a Pöyry vem registrando crescimento médio de 12% ao ano nos últimos 10 anos. Em 2012, obteve faturamento de 775 milhões de euros.

No Brasil, a Pöyry iniciou atividades em 1974, tendo criado a sua subsidiária brasileira em 1999. Com uma posição de liderança na área de engenharia, a Pöyry aumentou o seu escopo de atuação no ciclo de vida completo do investimento, ingressando ainda mais nas áreas de consultoria e gerenciamento de projetos, além dos serviços de engenharia de fábrica. Atualmente, a Pöyry conta com mais de 850 colaboradores no País e atende mais de 50 diferentes clientes de diversos setores.

Fonte