Celulose Notícias

Condicionamento Químico de Vestimentas em Máquinas de Celulose e Papel

O grande desafio na fabricação de celulose e do papel, continua a ser o aumento da produtividade e redução de custos.
Comprometida com a valorização socioeconômica de nossos parceiros comerciais, a Contech desenvolveu e disponibiliza programas de condicionamento químico que integra tecnologia de ponta na “Química fina e na ciência da pulverização”.

O desenvolvimento desta estratégia, está baseado na eficiência do condicionamento que é otimizado pelo equilíbrio entre:

  • Reatividade química,
  • Efeito da temperatura na cinética das reações,
  • Ação de impacto na superfície da vestimenta.

Particularmente no condicionamento químico de feltros, a integração destas tecnologias proporciona gerenciamento e controle minuciosos dos níveis de vácuo das caixas de sucção, agregando valor ao produto acabado.

RESULTADOS MENSURÁVEIS:

  •  Maior remoção de água nas prensas; Aumento da produtividade.
  •  Maior teor seco da folha (Papel mais resistente); Menor índice de quebras.
  •  Redução do tempo improdutivo; Aumento da produção.
  •  Maior rentabilidade; Redução do consumo específico de vapor.
  •  Andamento mais estável de máquina; Melhor desempenho do papel na conversão.
  •  Maior controle da compactação dos feltros; Aumento da vida média.
  •  Redução de perdas de papel (furos e sujidade na folha); Aumento da produção
  •  Redução do sigma de umidade; Maior uniformidade da folha na enroladeira.