Banner Animado Valfilm Portal Tissue Online

Celulose Notícias

CMPC fecha SAP AMS com Sonda

A CMPC Celulose Riograndense, empresa de celulose de fibra curta de eucalipto que integra o grupo chileno CMPC, fechou um contrato com a Sonda para gerência e suporte terceirizados [AMS, na sigla em inglês] do seus sistemas da SAP.

SLIDE_riograndense

A Sonda foi a responsável pelo projeto da reimplementação do ERP da SAP, cujo go live foi feito em 2013.

O contrato, que tem cinco anos de duração e envolve manutenção, ajustes e melhorias de processos no ambiente do sistema SAP. Ao todo, a Sonda IT irá suportar 250 usuários que utilizam a ferramenta.

O contrato de AMS faz parte de uma estratégia agressiva de outsourcing, na qual todos os serviços de suporte e operação da CMPC serão terceirizados.

“Com a modernização da fábrica, pretendemos quase quadruplicar a produção de celulose. Para isso, estaremos centrados em nosso core business, enquanto a Sonda IT suportará os aspectos tecnológicos”, explica o gerente de TI da CMPC Celulose Riograndense, Carlos Cesar Almeida.

O projeto a que Almeida se refere é um investimento de R$ 5 bilhões em Guaíba, no Rio Grande do Sul, com o qual a produção passará das atuais 450 mil toneladas por ano para 1,75 milhão de toneladas
“Ainda no projeto de reimplementação do SAP, percebemos que o relacionamento com a Sonda IT seria a médio e longo prazo. Isso porque os profissionais da companhia têm não só conhecimento e experiência em implementação do SAP, mas também comprometimento”, explica o gerente.

selo_ok

Os contratos de AMS são uma aposta da Sonda, que lançou uma unidade setorial focada no tema em abril do ano apssado, sob o comando de Douglas Lopes da Costa, ex-gerente de TI da Elektro.

Na época, a empresa divulgou ter em sua carteira mais de 50 clientes utilizando os serviços de sustentação SAP, atendidos por 58 consultores SAP.

www.baguete.com.br