Celulose Notícias

Trabalhadores da Eldorado e Fibria aceitam proposta salarial

eldoradoe fibria

Chegou ao fim à negociação salarial de 2014 entre trabalhadores e as empresas Eldorado Brasil e Fibria, de Três Lagoas. Após 8 meses de negociação os funcionários aceitaram a proposta de 7% de reajuste salarial.

eldoradoe fibria

Depois de inúmeras tentativas de acordo sem sucesso, o Sititrel – Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Papel e Celulose levou o caso à justiça do trabalho em Campo Grande. No entanto, as empresas apresentaram um abaixo – assinado dos trabalhadores pedindo uma nova assembleia, fato que fez com que o desembargador ordenasse uma nova votação.

Diante de uma nova possibilidade de voto, os empregados aceitaram o mesmo número de reajuste salarial proposto no início das negociações com melhoras no ticket alimentação e abono. Na Fibria, 174 pessoas aceitaram o reajuste, contra 148 descontentes, 2 nulos e 1 branco, totalizando 325 votos. Já na Eldorado Brasil, 476 trabalhadores aceitaram a proposta, 270 não concordaram e uma pessoa votou em branco, somando 747 votos.

O presidente do sindicato, Almir Morgão, entendeu o posicionamento da categoria, “sabemos que este abaixo – assinado não partiu diretamente dos trabalhadores. Mas, entendemos que a demora na justiça cansou as pessoas que preferiram aceitar a proposta feita pelas empresas”. Ainda de acordo com Almir o sindicato foi contra a oferta, porém ressaltou a democracia, “a entidade sindical foi contra os números apresentados pelas empresas, mas somos democráticos e quem decide é e sempre será o trabalhador”.

Após o fechamento das negociações de 2014, o sindicato passa a focar nos acordos de 2015 que tem inicio no mês de maio.

Internationa Paper

Segundo o TL Notícias, os trabalhadores da International Paper aguardam decisão da justiça sobre o dissídio coletivo.

msnoticias.com.br

Comente com Facebook

Comentários