Celulose Notícias

Suzano pode reduzir capacidade de produção de celulose em até 100 mil toneladas em 2018

suzano

Suzano acompanha sua rival, Fibria, que vai retirar do mercado cerca de 200 mil toneladas de capacidade produtiva

suzano

A Suzano Papel e Celulose mapeou 100 mil toneladas de capacidade de produção de celulose que poderia ser retirada pela empresa do mercado no próximo ano, afirmou o presidente da produtora de papel e celulose, Walter Schalka.

Segundo o executivo, a capacidade foi mapeada entre todas as fábricas da Suzano e envolve produção com custos maiores. A rival Fibria anunciou que em 2018 vai retirar do mercado 200 mil toneladas de capacidade produtiva.

0004_banner_pulverizacao_papel_700x100_V0

Durante teleconferência com analistas sobre resultados de terceiro trimestre apresentados na véspera, executivos da Suzano afirmaram que a empresa pretende investir 1,8 bilhão de reais em 2018, mesmo montante previsto para 2017. Do volume a ser investido, 1,2 bilhão de reais serão usados em atividades de manutenção.

A Suzano está vendo o cenário para preços de papel positivo e espaço “para novas movimentações de preços” no início de 2019 e sobre celulose o cenário segue de estoques baixos na China e demanda aquecida, o que pode abrir espaço para novos reajustes ainda em 2017, disseram executivos da companhia.

extra.globo.com

Comente com Facebook

Comentários