Notícias Tissue no Brasil

SEPAC amplia capacidade produtiva no Paraná

slide-sepac

A indústria de papéis tissue adquire sua 6ª máquina para produção de bobinas e duas novas linhas de conversão

20171101_072233

A SEPAC, Serrados e Pasta Celulose, uma das maiores indústrias de papel tissue da América Latina está concluindo a última etapa do seu projeto de expansão de capacidade produtiva do seu parque fabril, localizado na cidade de Mallet, no sudeste do estado.

A indústria paranaense amplia ainda mais sua capacidade de produção com a aquisição da 6ª máquina para a produção de bobinas e duas novas linhas de conversão, que otimizarão a produção e a infraestrutura da fábrica. Com o crescimento, a produção diária estimada será de 450 toneladas de papel por dia. Hoje, a SEPAC produz 350 toneladas diariamente. Só em papel higiênico, são 4 milhões de rolos por dia, um número que aumentará a partir deste mês de novembro.

A SEPAC ocupa a quarta posição do segmento no mercado nacional de acordo com o Guia ABTCP Fornecedores&Fabricantes, celulose e papel, 2016/2017. Com o aumento do potencial produtivo, a indústria paranaense deve chegar à segunda colocação no mercado brasileiro, ao produzir 164.250 mil toneladas por ano, A empresa, hoje, também é responsável pela geração de 860 empregos diretos e mil indiretos.

A indústria iniciou suas atividades no plantio e comércio de mudas florestais em Mallet, no final da década de 70. Hoje a SEPAC se dedica exclusivamente à fabricação de papéis tissue, a partir de fibras celulósicas virgens e recicladas. No mix de produtos da indústria estão os papéis higiênicos folha simples e folha dupla, toalhas de papel, guardanapos, além de fraldas descartáveis. A distribuição é feita por meio de uma operação em aproximadamente 1000 cidades em todos os Estados da Federação e para os países do Mercosul.

Com investimentos de capital próprio, o faturamento da SEPAC irá aumentar em maior proporção que a produção, pois apesar da indústria passar a produzir ainda mais papel, a aposta está em oferecer aos consumidores produtos de maior valor agregado. “Estamos apostando também no crescimento das vendas de produtos de maior valor agregado, como o papel higiênico de folha dupla, que traz maior rentabilidade para toda cadeia de distribuição, com nossos novos lançamentos”, explica o presidente da empresa, João Ferreira Dias Filho.

FULL BANNER IPEL

Além do aumento da capacidade produtiva, a SEPAC investiu também no mix de produtos, com lançamentos, embalagens diferenciadas de padrão internacional, e também produtos direcionados ao segmento de higiene pessoal, como as fraldas descartáveis.

Os investimentos não param por aí. O planejamento da indústria prevê, para os próximos anos, a instalação de um novo polo fabril. “Estamos em fase de planejamento, desenvolvimento do projeto e de estudos de viabilidade de diversas áreas, fora do Estado do Paraná, para podermos iniciar a construção da nossa segunda fábrica”, conta o presidente.

Comente com Facebook

Comentários